9 dicas de otimização de SEO para o seu blog

SEO para o seu blog 2

Pagar por links patrocinados definitivamente não garante que o seu blog se mantenha nas primeiras páginas do Google. Mas o SEO, sim.

Na verdade, tráfego pago e tráfego orgânico andam sempre de mãos dadas. A partir do momento em que as técnicas de SEO já elevaram a posição do seu site, é hora de atacar com links patrocinados, gerando um tráfego em massa maior.

Para isso, hoje daremos 9 dicas de como você deve otimizar o seu site com o SEO On Page e o SEO Off Page. Acompanhe abaixo!

 

  1. Use heading tags

As heading tags têm duas funcionalidades: hierarquizar o seu conteúdo para os mecanismos de buscas e não entediar o leitor.

Dependendo do modo como você escreve um conteúdo muito extenso, seu leitor pode perder a vontade de ler.

Quebrar o texto em bullet points pode ser feito com o uso de heading tags. Lembre-se que quanto mais um específico é um assunto, mais subdividido ele será (H1 a H6).

Não se esqueça de utilizar no máximo 300 palavras a cada título “H” que você usar. É uma otimização de SEO indicada por alguns plug-ins do WordPress.

 

  1. Use a palavra-chave correta

SEO para o seu blog 3

Se você ainda não leu o nosso artigo sobre palavras-chave, dê uma lida antes. Você aprenderá, em primeiro lugar, como pesquisar pela keyword ideal.

  • Entre no nosso artigo Encontrando a palavra chave perfeita para os artigos” para saber mais sobre palavra chave, ou clique aqui.

As palavras-chave não são essenciais para um bom posicionamento, mas ainda têm certo peso.

Utilize sempre na sua meta-descrição (nos primeiros 156 caracteres) e em uma densidade entre 1% e 1,5% durante o texto. Muito acima disso, os mecanismos de busca começarão a jogar seu site para baixo.

 

  1. Use recursos multimídia

As imagens não servem apenas para deixar um blog mais bonito. Além de deixar um artigo mais atraente para os usuários, elas podem se traduzir através do código fonte para o Google.

O Google não sabe interpretar o conteúdo de imagens e vídeos, a não ser que você faça a otimização a partir do uso de tags.

O atributo alt para vídeos e imagens pode ajudar o Google a indexar melhor o seu conteúdo, já que ele passa a relacionar os dois.

Além disso, uma pessoa pode encontrar o seu blog através de pesquisas pelo termo utilizado na marcação da tag do seu vídeo ou de sua imagem.

 

  1. Use links dentro do seu blog

SEO para o seu blog 4

Uma técnica de SEO On Page que poucas pessoas usam é o link building interno. Ou seja, o uso de links apontando para o seu próprio blog.

Geralmente, eles são utilizados dentro de um artigo apontando para outro artigo.

Isso demonstra para o Google que sua página possui autoridade. No entanto, você não deve abusar do número de links internos, pois acaba correndo o risco de acabar duplicando o próprio conteúdo.

Além disso, é importante que o link esteja no contexto certo. Não dá para colocar qualquer link apontando para o conteúdo que esteja fora o contexto atual. O Google consegue detectar também esse tipo de coisa.

 

  1. Otimizando a URL

A URL do seu blog é muito importante, não somente para que os usuários tenham facilidade na busca, mas também para que seu blog seja facilmente indexado pelo Google.

URL’s muito extensas não são bem indexadas e são vistas por maus olhos pelo Google.

Por isso, sempre use no máximo 5 palavras para suas URL’s. Isso vale tanto para o domínio do seu blog quanto para os textos que você utilizará.

E sempre use a palavra-chave na URL. Mesmo para o domínio é importante usar a palavra-chave.

 

  1. Crie um site responsivo

seo-para-o-seu-blog-4

Hoje em dia, sites em Flash estão em decadência. Muito em breve, o Google fará uma limpeza nos seus mecanismos de buscas, tirando os sites programados em Flash da lista.

CSS e HTML são as apostas da vez. Importante ainda ressaltar que os sites responsivos estão tendo mais sucesso na questão do posicionamento dentro do Google.

Sites e blogs responsivos são aqueles que podem se ajustar de acordo com a tela de onde estão sendo acessados, como IPads, Tablets, celulares, etc.

Como hoje mais de 53% dos acessos são feitos através de aparelhos mobile, é importante dar uma atenção especial a isso.

 

  1. Crie categorias para seus assuntos

Criar uma categoria dentro do blog para inserir os conteúdos relacionados ajuda o Google a indexar melhor o conteúdo do seu site.

Deixar os artigos “espalhados”, sem algo que os classifique, dificulta esse processo.

Assim como em quase todas as etapas de otimização, é importante criar a categoria usando a palavra-chave utilizada nos textos. Se você criou uma série de textos sobre o otimização e sobre como viver de internet, criar categorias com os nomes SEO e Ganhar Dinheiro são duas opções, por exemplo.

 

  1. 301

SEO para o seu blog

Se você por algum motivo precisou se desfazer de uma página com alta autoridade, pode fazer o redirecionamento 301.

Esse redirecionamento permite que a taxa da autoridade da página se mantenha quase íntegra. Ela não chega a permanecer 100% do que era, mas não fica menor do que 90%.

O redirecionamento serve para manter a autoridade da página e também para evitar que o Google acabe indexando links errados, que só são excluídos depois de um bom tempo.

 

  1. SiteMap

Nossa última dica para otimizar bem o seu blog é a construção de um SiteMap.

Ele é um mapa sobre o seu site, que deve ser feito em XML. Existem vários geradores online, e não é difícil criar um.

O principal objetivo é indicar nele o que é mais relevante dentro do seu site. Através do mapa, você indica quais páginas e conteúdos são mais relevantes, e isso ajuda o Google a indexar melhor essas páginas.

Você também pode criar um mapa em HMTL, mas o importante é ter uma das duas para poder indexar o seu blog.

 

Você conhece alguma outra dica de SEO importante? Então, deixe seu comentário abaixo, e se tiver ficado com alguma dúvida, deixe aqui nops comentários. E não se esqueça de compartilhar o post! Esperamos você para o próximo artigo, até lá!

 

Sucesso…

Tiago Almeida

Empreendedor Digital há alguns anos, venho buscando as melhores formas de se trabalhar honestamente pela internet de modo a me sustentar e ter uma maior liberdade financeira.

Website:

2 Comentários

  1. Tiago Almeida

    Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *